Como precificar seus produtos nos marketplaces

By:

O mercado de e-commerce vem se mostrando um mercado extremamente competitivo, por isso, sua estratégia de precificação não pode basear-se em diminuir o máximo seu preço. Não, isso só irá desvalorizar seus produtos perante seus concorrentes, para conquistar sua fatia no mercado pense bem sobre seu preço, não basta só  diminuir alguns centavos ou reais.

Antes de tudo, é preciso conhecer seu produto e seu mercado, isso envolve conhecer a concorrência , os preços que eles praticam sem esquecer da média do frete desses produtos. Leve em consideração toda sua operação, desde fornecedores, manutenção de sistemas de e-commerce, ERPs e Hub de marketplace. Claro, sem esquecer sua margem de lucro, errar esse cálculo pode significar um prejuízo para seu negócio.

 

Não esqueça: preço não é tudo!

Apesar de ser um fator importante, acaba não sendo determinante para seu sucesso. O buybox por exemplo, o preço é um dos fatores que elencam seu produto dentre as melhores ofertas, mas questões como valor de frete, reputação e tempo de entrega são tão importantes quanto.

Muitas pessoas não compram online por medo, outras acabam desistindo da compra pelo valor do frete e não do produto, ou seja, por vezes um preço um pouco maior com um frete extremamente atrativo, pode definir o seu sucesso.

 

Não troque os pés pelas mãos

A palavra chave para quem vende em marketplace é calma, mesmo você sentindo toda a pressão competitiva do mercado, não comprometa seu negócio só para ter um preço menor que sua concorrência, vá com calma e execute ações de forma estratégica e planejada. Se ter o menor preço realmente será uma vantagem competitiva que não irá impactar de forma negativa seu negócio, ótimo!

Um ótimo exemplo de como fazer isso de forma estratégica é: Quer diminuir seus preços? Diminua seus gastos. Envolva sua equipe no projeto, motive-os a te ajudarem nisso, negocie com seus fornecedores, conferir sua operação e mapear gastos desnecessários irá até aumentar suas margens de lucro!

 

Canais diferentes = Preços diferentes

Vender em marketplaces por mais que seja uma estratégia incrível, envolve um certo investimento da sua parte que pode variar de 10% a 30% do valor do produto que você vendeu, dependendo do canal de venda. Esse é o primeiro motivo para variar sua precificação de um marketplace para outro. Além do fato que marketplaces diferentes atraem compradores diferentes com prioridades diferentes, então lembre-se de alinhar muito bem sua estratégia de preço em cada um dos canais.

 

E aí, curtiu o post?

Nós da Hub2b estamos sempre trabalhando para nossos clientes terem mais tempo livre para se dedicar ao negócio, enquanto nossa solução automatiza o trabalho operacional (atualiza preço, estoque, baixa e atualiza pedidos). Ainda não conhece nossa solução de integração com os marketplaces? Clique aqui e descubra uma nova forma de gerenciar seu negócio.

Share

A Hub2b conecta a sua loja com os maiores marketplaces do mundo. Não é necessário modificar a sua operação, nem os sistemas que você já está acostumado a utilizar. É possível automatizar toda a operação, eliminando o retrabalho de atualizar várias plataformas diferentes a toda hora. Assim, você pode vender muito mais, trabalhando muito menos.


Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz