Como usar os dados a favor da competitividade?

By:

As empresas encontram uma enorme dificuldade em se diferenciar de competidores quando tentam fazê-lo através de um único ponto. Um produto, um serviço, um preço. Estamos em um tempo onde as ofertas são muito similares, o que acaba impactando fortemente no fechamento de vendas.

É preciso tomar decisões e gerar excelentes resultados. Temos visto a necessidade de agir e causar mudanças no mercado em que estamos inseridos para trazer resultados. Podemos chamar esta ação e impacto de inovação. Assim é possível se manter vivo em meio à competição agressiva com que nos deparamos.

Mas por onde começamos? Como resolver estes dilemas?

Um dos caminhos é competir com base em análises. Toda empresa tem processos, organizados ou não, e estes processos geram dados, informação, conhecimento. Quando a empresa utiliza softwares para realizar a gestão, os dados recolhidos a partir da execução dos processos são centralizados em um banco de dados, facilitando o processamento. Quando se utiliza mais de um aplicativo, surge a necessidade de integrar os dados recolhidos e gerenciados em cada aplicativo, para consolidar as informações e construir conhecimento consistente.

Imagem: Wallcg
Imagem: Wallcg

Ao longo do tempo, para criar meios de diferenciação ou meios de manter as empresas competitivas analiticamente, surgiram soluções tecnológicas que trabalham sobre coleções de dados efetuando análises de forma inteligente. Estas soluções são conhecidas como Business Inteligence, ou, Inteligência de Negócios, e podem ser profundamente atreladas às metas das empresas que as utilizam.

Entretanto, antes de utilizar uma solução de Inteligência de Negócios, a empresa necessita construir uma base com dados de qualidade. O fato é que cada operação realizada na empresa deve ser  registrada, se possível utilizando-se de softwares. E é importante ressaltar que os dados não tem origem apenas interna, eles são compartilhados com fornecedores, clientes, e outros parceiros, através de documentos de vendas, orçamentos, produtos, finanças, e outros.

Para a empresa utilizar uma solução de Inteligência de Negócios, é preciso manter os dados em formatos padronizados, integrar, extrair, processar e armazenar estes dados em depósitos (chamados de data warehouses). Tais tratamentos são tão importantes pois é a partir destes depósitos que a solução de Inteligência de Negócios vai efetuar consultas, mensurar o andamento da empresa, e apresentar as medidas aos gestores. Assim é possível refletir, inovar, a fim de se manter na frente dos competidores.

Comentários
Share

A Hub2b conecta a sua marca com os maiores marketplaces do mundo.