Prepare-se para a Black Friday 2020 com a Hub2b

A pandemia do novo coronavírus ainda traz muitas incertezas sobre o futuro de economia brasileira, mas, mesmo diante deste cenário, pesquisas recentes mostram que entre 65% e 70% dos brasileiros pretendem aproveitar os descontos da Black Friday, que acontece em 27 de novembro de 2020.

A tomada de medidas restritivas pelos governos em todo o mundo trouxe uma grande mudança no comportamento do consumidor que, devido ao isolamento social e ao fechamento dos estabelecimentos físicos, começou a fazer mais compras online e ajudou a expandir ainda mais os comércios virtuais.

Durante este período de isolamento social, principalmente no segundo trimestre (de abril a junho) tivemos uma prévia de como será a Black Friday deste ano. Esperamos a maior Black Friday da história e, para embasar a previsão, seguem alguns números de como foi o primeiro semestre de 2020:

R$ 38,8 bilhões foi o faturamento do e-commerce no primeiro semestre de 2020, 47% maior que o mesmo período de 2019;

41 milhões de consumidores fizeram compras online neste período, 40% a mais que o mesmo período de 2019;

Mais de 7 milhões de novos consumidores fizeram sua primeira compra online, 38% a mais que o mesmo período de 2019;

Convencido? Também é bacana observar quais categorias de produtos tiveram o maior crescimento no número de pedidos, comparado ao mesmo período do ano passado:

Roupas/Calçados 37%
Esportivo 64%
Informática 34%
Perfumaria 50%
Farmácia 48%
Construção e Ferramentas 111%
Casa e Decoração 21%
Alimentos e bebidas 15%

E os marketplaces, como estão performando? Pasmem, 78% do faturamento do e-commerce no primeiro semestre de 2020 vieram dos marketplaces! Foram R$30 bilhões de faturamento, com um aumento de 56% em relação ao mesmo período de 2019. Foram realizados 64 milhões de pedidos nos marketplaces, com um ticket médio de R$ 466.

(Fonte: https://www.ebit.com.br/webshoppers)

Podemos dizer que tivemos um gostinho de como será a Black Friday deste ano. A Hub2B vai te ajudar a se preparar para esse momento. A Black Friday é um evento que exige muito planejamento e preparação por parte dos vendedores, por isso, separamos alguns pontos de atenção principais para essa jornada. Acompanhe.

Planejamento Black Friday 2020: comece agora!

Mais de 60% dos consumidores da Black Friday optam pelo comércio online devido à praticidade e comodidade na hora de comprar. Acompanhe abaixo alguns passos importantes na hora de realizar o planejamento da sua operação.

Cadastro de produtos

Atente-se ao prazo limite para publicar ou alterar produtos. Cada marketplace possui uma agenda, então fique atento aos comunicados e prepare um calendário para fazer os ajustes com antecedência.

Faça uma análise do histórico de devoluções ou dúvidas dos consumidores com relação as especificações/características dos seus produtos, isso pode estar relacionado a um cadastro incompleto, com baixa qualidade ou até a um produto associado a um cadastro já existente no marketplace, com informações erradas.

Defina suas ofertas e preços

Com todo o histórico do evento que conhecemos, podemos concluir que o preço e as ofertas oferecidas são pontos extremamente decisores para o consumidor.

Por isso, é importante começar a realizar um planejamento financeiro que esteja atento a esse período sazonal de vendas, tanto para definir os melhores preços para os produtos selecionados, quanto para garantir um retorno financeiro positivo das promoções oferecidas.

Para o consumidor, o mais atrativo desse evento costuma ser a “melhor promoção sobre o melhor produto”. Por isso, estude os seus produtos e defina boas promoções que façam sentido tanto para o seu cliente, quanto para o seu faturamento.

Converse com seus fornecedores com antecedência e verifique as oportunidades no catálogo. Procure diversificar as apostas, não foque somente em lançamentos, mantenha na estratégia os produtos que tem uma constante de vendas. Faça uma análise de mercado e verifique quais produtos estão crescendo nas vendas e também os que estão esgotados. Procure saber quais categorias tiveram mais saída nos anos anteriores e durante o ano para possíveis apostas.

Fique atento às regras de cada marketplace para alterar o preço. Alguns marketplaces têm travas de preço e não permitem que o preço seja maior do praticado nos últimos 6 meses. Não adianta aumentar o preço De e dar um desconto maior, não faça isso!

Utilize o módulo campanhas da Hub2b para criar as campanhas. Prepare tudo com antecedência e deixe que o Hub altere os preços na data programada.

Logística (Valor do frete e prazo de entrega)

Verifique em quais regiões você mais vende para criar estratégias de frete para estes locais. Por exemplo, se o local que você mais vende é São Paulo e seu CD fica nesta região, opte por contratar transportadoras locais. Apresente seus resultados para negociar o custo e conseguir boas condições para os consumidores.

Analise qual é o custo do seu frete com relação ao preço do produto. Um dos fatores que faz o cliente desistir da compra (abandonar o carrinho) é o valor do frete com relação ao valor do produto. Digamos que você vende um Kit de chave de fenda por R$ 20,00 e o valor do frete é R$ 15,00, automaticamente o consumidor faz essa comparação e desiste da compra, pois o valor do frete custa quase o valor do produto, mais de 50%. A taxa ideal do custo do frete com relação ao valor do produto é de 12%. Confira mais detalhes por segmento:

Categoria % ideal do valor do frete sobre o valor do produto
Acessórios Automotivos 7,4
Alimentos e Bebidas 9,3
Bebês e Crianças 13,8
Beleza 9,6
Brinquedos 9,4
Calçados e Acessórios 6,2
Cama, Mesa e Banho 6,3
Casa 10,6
Eletrônicos 9,1
Farmácia 16,3
Ferramentas 10,7
Games 9,8
Livraria 15,6
Magazine 11
Material Escolar 9,3
Materiais de construção 9,5
Moda e Acessórios 7,2
Moda Íntima 23,6
Óticas e Acessórios 11,9
Pet Shop 16,9
Saúde e Bem-Estar 11,3
Média ~12%

Caso tiver acima disso, acione suas transportadoras e negocie os valores.

Diversifique suas opções de transportadora, NÃO DEPENDA SOMENTE DE UMA TRANSPORTADORA. Estude a contratação de um gateway de frete (Intelipost, Frenet, Melhor Envios, Frete Rápido, Data Frete, etc) para facilitar a gestão e conseguir melhores condições de frete (valor e prazo) para cada região e não correr o risco de ficar na mão, caso alguma delas tiver problemas operacionais.

Exemplos de transportadoras:

Transportadoras com cobertura local
Loggi
Rapido
B2Log

Transportadoras com cobertura regional
Carriers
TransFolha
Cometa
Diálogo
Nowlog

Transportadoras com cobertura nacional B2C
Direct
Correios
Jadlog
Total

Transportadoras com cobertura nacional B2B
Jamef
Braspress
Atlas
TNT

Transportadoras com cobertura nacional Frete Aéreo
Golog
Azul Cargo
Avianca
Tam Cargo

(Fonte: Intelipost)

Prepare o seu estoque

Para garantir que os seus clientes sejam atendidos com excelência, é preciso garantir que o estoque esteja em dia para o evento. Leve em consideração a média de vendas dos anos anteriores em relatórios como ROI, taxa de conversão e de lucro do período para planejar o estoque de forma eficiente e assertiva.

Crie diversos cenários e entenda qual é o que mais se encaixa com o seu negócio hoje. Se sobrar muito produto ou faltar algo, leve como aprendizado e considere os dados nos planos do próximo ano.

Para te ajudar a fazer a gestão do estoque dos seus produtos e garantir bons relatórios para o seu planejamento, considere a contratação de um software de gestão integrado, os ERPs.

Configure um estoque mínimo, para ter uma margem de segurança. Apesar da tentação de querer vender o máximo possível, os riscos de vender simultaneamente em vários canais aumenta neste período. É melhor garantir a qualidade da operação, mantendo uma margem de segurança, do que correr o risco de vender e não conseguir entregar, pois os problemas decorrentes disso podem gerar prejuízo no final das contas, como cancelamentos, reclamações, perda de reputação, problemas internos com a equipe e até suspensão da sua operação nos marketplaces.

Procure fazer uma Black Friday lucrativa, obviamente, mas com segurança, mitigando os riscos. Adicione um estoque mínimo na Hub2b para evitar problemas maiores.

Faça um inventário de estoques com antecedência. Selecione fornecedores confiáveis, capazes de assumir os mesmos compromissos assumidos pela sua loja com seus clientes (principalmente se tratando de operações de dropshipping). Verifique se os anúncios foram pausados, em caso de ruptura.

Verifique seu operacional

Primeiro de tudo, é preciso verificar como está a estrutura da sua operação. Converse com sua equipe, calcule quanto tempo você demora para processar pedidos e o total da capacidade da empresa. Além da operação nos marketplaces, faça uma análise do seu próprio canal: seu site é responsivo? Sua loja virtual suporta alto tráfego? Seus clientes estão satisfeitos com o processo de compra? Como é feito o atendimento no pré e pós vendas? Crie uma rotina de plantão para monitoramento e atendimento dos chamados pré e pós-venda.

É muito importante verificar a estrutura da sua loja virtual o quanto antes, principalmente para identificar possíveis gargalos que possam atrapalhar o seu desempenho no dia do evento a tempo de repará-los ou otimizá-los.

Lembre-se que no dia da Black Friday o número de visitas pode subir muito mais do que o normal, dependendo da sua divulgação. Por isso, certifique-se de que tudo esteja funcionando perfeitamente para receber os seus consumidores e garantir a melhor experiência de compra.

Treine sua equipe para atendimento ao cliente

Durante todo o ano, diversas dúvidas surgem todos os dias. Mas na Black Friday, devido ao aumento no número de pessoas procurando e visualizando o seu produto, é normal que o número de questões aumente, seja sobre produto, forma de pagamento, frete, ou qualquer outra dúvida.

Em um levantamento do Reclame Aqui, podemos ter uma ideia das principais reclamações no período da Black Friday:

1 Propaganda enganosa (32,03%)

3 Problemas na finalização da compra (11,37%)

2 Divergência de valores (8,28%)

8 Atraso na entrega (6,24%)

9 Valor de frete (2,3%)

Com base nestas informações, faça um plano de ação para cada caso. É importante responder os consumidores o quanto antes e da melhor forma possível, com empatia e de forma objetiva. Esse é um dos pontos que podem influenciar muito na decisão de compra, já que um bom atendimento pode fazer toda a diferença para o usuário.

Datas e regras para não perder a Black Friday nos marketplaces

Cada marketplace possui datas limites para:

Cadastro de novos sellers

Cadastro de produtos

Envio da tabela de contingência de frete

Envio de apostas para participar da Black Friday

Ajuste de preços

Para não correr riscos, cadastre seus produtos até o final de outubro! Dessa forma você não corre o risco de deixar de vender uma aposta do seu estoque. O segundo passo é atualizar a sua tabela de contingência de frete em todos os marketplaces. Durante o período da Black Friday há muitos acessos simultâneos e as APIs podem ficar instáveis. Nestes casos, a cotação de frete é direcionada para a tabela de contingência. Por fim, caso tenha que fazer algum ajuste de preço (voltar o preço original, desativar uma promoção antiga, etc) faça isso durante o mês de outubro. Durante o mês de novembro, foque somente em baixar os preços, criar promoções.

Contrate um hub de integração com marketplaces

Já falamos aqui no blog da Hub2B sobre a importância de integrar seu e-commerce com os marketplaces, certo? Na Black Friday, em quanto mais vitrines o seu produto estiver, mais chances de zerar o seu estoque você pode ter.

Por isso, comece a avaliar a integração da sua loja virtual com os maiores marketplaces do Brasil que já possuem grande visibilidade no mercado, como Mercado Livre, Amazon e Americanas.com.

Fique atento ao prazo limite para publicação das ofertas em cada um dos marketplaces; a maioria deles encerra em meados de novembro. E lembre-se de checar todas as recomendações dos canais, como prazos, promoções e tudo que envolva seu fluxo de venda.

Para facilitar esse processo, contratar um hub de integração como a Hub2b, além de te ajudar a gerenciar todos os seus anúncios em um único lugar, você pode acompanhar as regras de cada um dos marketplaces que sua loja estiver presente e garantir a eficiência do processo de vendas em todas elas.

Converse com um dos nossos consultores e entenda como a Hub2b vai te ajudar a vender ainda mais na Black Friday 2020. 

Comentários
Share

A Hub2b conecta a sua marca com os maiores marketplaces. Conheça a ferramenta mais prática para gerenciar e automatizar a sua operação nos marketplaces.