Marketplace: o que é, quais as vantagens e quem pode ter?

Descubra tudo sobre marketplace, como funciona e como alavancar as suas vendas com essa plataforma

Hoje em dia, muito se fala em vender online através de lojas virtuais e e-commerces, ou por marketplace. Mas, é importante saber que são dois conceitos um pouco diferentes, mas que ajudam muito a criar um novo plano de vendas para o seu negócio. 

Quer saber mais e entender como funciona a venda por marketplace? Acompanhe o post. 

 

O que é marketplace? 

Marketplace é um modelo de negócio que se assemelha a um shopping center virtual, ou seja, uma plataforma que conecta os usuários a diversos tipos de produtos, marcas e lojas, ao mesmo tempo que conecta prestadores de serviços ou vendedores com estes usuários. E tudo isso, em um só lugar.

Dessa forma, todos os usuários conseguem realizar suas compras e buscar por melhores preços e condições de pagamento sem sair de casa, enquanto as lojas conseguem anunciar e divulgar seus produtos e serviços em diversos canais.

Alguns exemplos dos principais marketplaces que conhecemos hoje são: Americanas, Shoptime, Amazon, Mercado Livre, OLX, dentre muitos outros!

 

Como funciona o marketplace?

Basicamente, os vendedores se cadastram nas plataformas e já podem começar a cadastrar e ofertar os seus produtos e serviços, que serão administrados pelo próprio marketplace, ou seja, eles que irão divulgar os seus produtos aos usuários de acordo com as buscas e históricos de compras. 

Mas, é importante ficar atento às comissões e taxas cobradas pelas empresa que gerencia o marketplace, pois elas podem variar de 9% a 30% das vendas realizadas, dependendo do nível de divulgação que você solicita na hora de cadastrar os seus produtos. Ou seja, quanto mais visibilidade, maior a comissão cobrada pelo o marketplace.

Por isso, avalie as possibilidades de acordo com a margem de lucro que você quer ter com as vendas para que a opção faça sentido para o seu negócio. 

Além disso, para garantir que os vendedores atendam corretamente os seus clientes, as plataformas possuem um prazo para liberar o dinheiro das vendas para o vendedor. 

Portanto, planeje-se devidamente e considere todos estes fatores na hora de começar a vender por marketplace para vender mais e melhor.

 

A diferença entre marketplace e e-commerce

A principal diferença entre os dois modelos é que o e-commerce é um tipo de loja virtual que oferece produtos e serviços de apenas uma loja ou fornecedor, e trabalha com estoque próprio. 

Já o marketplace oferece vitrine para diversas lojas e vendedores, com uma gama enorme de produtos disponíveis. Ou seja, é lá que o usuário pode encontrar produtos de todos os tipos, preços e marcas, e não apenas de uma loja em específico. 

Com o marketplace, muitas vezes, o empresário não precisa se preocupar mais com estoque e logística, já que ele pode criar uma rede de fornecedores para oferecer seus produtos e serviços em um só canal.

 

Como escolher a melhor plataforma marketplace?

Antes de tudo, qual é o tipo de negócio que você quer lançar e quais produtos e serviços quer vender por marketplace? Estude as plataformas e entenda qual a especialidade de cada uma, o tráfego de usuários e o que eles buscam em cada uma delas.

Outro ponto importante, são as funcionalidades disponíveis. Avalie se a plataforma possui tudo o que a sua loja precisa para vender, se é possível personalizar ou customizar a sua loja, o nível de atualizações e a qualidade do suporte que é oferecido tanto para você como empreendedor, quanto para os seus usuários e clientes. 

 

Quais as vantagens em vender online por marketplace?

Uma das grandes vantagens do marketplace para os usuários é a possibilidade de comprar de diversas lojas e efetuar apenas um pagamento. Ou seja, o usuário pode escolher os seus produtos com muito mais liberdade, além de garantir maior retenção e maior tempo navegando, o que pode aumentar muito as visualizações dos seus produtos. 

Além da visibilidade, a confiança acaba sendo muito maior, principalmente para marcas novas que estão sendo lançadas. Vender seus produtos na Amazon ou Mercado Livre, por exemplo, pode ser uma grande vitrine para sua marca e com menos custos de divulgação, em relação a um e-commerce criado do zero. 

Se você quer vender em diversos marketplaces ao mesmo tempo, a melhor opção é contratar um hub de integração, já que todos os controles são feitos em um só lugar. Ou seja, você consegue administrar todos os marketplaces ao mesmo tempo, com integrações e tarefas automatizadas, além de também integrar com o seu ERP

Uma palavra é: praticidade. Afinal, ter todas as possibilidades de compra em um só lugar, é algo que pode otimizar muito o tempo do usuário e de quem busca comparar preços facilmente, sem precisar abrir dezenas de sites e outros e-commerces. E de quebra, você como vendedor, ganha em tempo.

Comentários
Share

A Hub2b conecta a sua marca com os maiores marketplaces. Conheça a ferramenta mais prática para gerenciar e automatizar a sua operação nos marketplaces.